sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Lixão

Lixo da cidade
Depósito de sobrevivência dos miseráveis
Fruto podre da desigualdade...

Lixo e mais lixo
Lucro de poucos abastados
Supérfluo de muitas vaidades...

Lixo orgânico
Lixo inorgânico
Lixo social
Lixo paradoxal
Lixo humano

São homens, mulheres e crianças
Urubus, ratos e doenças
Entre o lixo de nossa cumplicidade...


Poema de João Crispim Victorio.
Livro: Sobre o Rio que Falo...

domingo, 15 de outubro de 2017

Encontro dos Poetas de Campo Grande e Região
Bela Tarde de 14 de Outubro de 2017
Café Estação

Falar de Amor
João Crispim Victorio

Falar de amor
a si mesmo
ao próximo

Amor platônico
Real...

Falar de amor
Traz esperanças
dignidade

Amor é vida
Humana...









Teremos mais no dia 25 de novembro de 2017
A partir das 17 h No Café Estação...














sábado, 7 de outubro de 2017

Lançamento do Livro Sobre Nós que Falo...
Rio de Janeiro, Campo Grande, 06 de outubro de 2017
     
Nem só de pão
Nem só de trabalho
Nem só de religião
Nem só de amor
Nem só de ópio
Nem só de dor
Vivem as pessoas...













Nem só de bondade
Nem só de atenção
Nem só de maldade
Nem só de saudosismo
Nem só de preconceito
Nem só de moralismo
Vivem as pessoas...














Nem só de ideologia
Nem só de alienação
Nem só de orgia
Vivem as pessoas...









Tudo é possível
Mas nem tudo é elucidário
Tudo é permitido
Mas nem tudo necessário...

 

  
  
   

  
  
  




Convenção
João Crispim Victorio

Nem só de pão
Nem só de trabalho
Nem só de religião
Nem só de amor
Nem só de ópio
Nem só de dor
Vivem as pessoas...

Nem só de bondade
Nem só de atenção
Nem só de maldade
Nem só de saudosismo
Nem só de preconceito
Nem só de moralismo
Vivem as pessoas...

Nem só de ideologia
Nem só de alienação
Nem só de orgia
Vivem as pessoas...

Tudo é possível
Mas nem tudo é elucidário
Tudo é permitido
Mas nem tudo necessário...







Lixão Lixo da cidade Depósito de sobrevivência dos miseráveis Fruto podre da desigualdade... Lixo e mais lixo Lucro de poucos abastad...